Atenção à Saúde


A área de Atenção à Saúde do Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz) articula ações específicas em saúde da mulher, da criança e do adolescente que prescrevem aplicação de cuidados de alta complexidade em ambiente hospitalar, ambulatorial, na rotina do hospital-dia e na modalidade de atenção domiciliar. Como instituição de referência à saúde brasileira, o Instituto cumpre um papel relevante quanto ao aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (SUS), por meio da qualificação, promoção da saúde e ampliação do acesso e garantia dos direitos da população aos serviços e insumos de saúde.

A Área de Atenção à Saúde é composta por cerca de 139 leitos com uma qualificada estrutura de suporte logístico-operacional que permite a realização, anualmente, de cerca de 4.500 internações, 60 mil atendimentos ambulatoriais, 2.500 cirurgias, 150 mil procedimentos de suporte diagnóstico e terapêutico e 1.200 atendimentos domiciliares para pacientes oriundos do Rio de Janeiro e de outras regiões brasileiras.

Através de um modelo de gestão participativa e multidisciplinar aplicado à saúde e levando em consideração as questões humanas, a equipe multiprofissional atua de forma integrada em: 5 áreas: Área de Atenção Clínico-cirúrgica à Mulher; Área de Atenção Clínico-cirúrgica à Gestante; Área de Atenção Clínica ao Recém-Nascido; Área de Atenção Clínica à Criança e ao Adolescente; e Área de Atenção Cirúrgica à Criança e ao Adolescente; 2 Centros de Referência: Centro de Genética Médica e Banco de Leite Humano (BLH); 6 Coordenações Diagnósticas e Terapêuticas: Anatomia Patológica; Central de Material e Esterilização (CME); Farmácia; Hemoterapia; Patologia Clínica; e Radiologia; 2 Núcleos: Núcleo Interno de Regulação (NIR) e Núcleo de Vigilância Hospitalar (NVH); 8 Responsabilidades Técnicas: Enfermagem; Fisioterapia; Fonoaudiologia; Medicina; Nutrição; Saúde Mental; Serviço Social; e Terapia Ocupacional; e 6 Ações e Programas: Núcleo de Apoio a Projetos Educacionais e Culturais (Napec); Novos Caminhos; Núcleo de Apoio a Profissionais que atendem crianças e adolescentes vítimas de maus-tratos (NAP); Saúde e Brincar; Amigos do Figueira e Instituto Refazer.

O Banco de Leite Humano (BLH) do IFF/Fiocruz é referência, desde 1987, para a Política Nacional de Aleitamento Materno, e atua como Centro de Referência para a Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano (rBLH-BR), bem como para a Rede Global, sendo responsável pelas ações estratégicas no setor, tanto no âmbito do SUS como da Cooperação Técnica Internacional em BLHs.

O Centro de Genética Médica do IFF/Fiocruz é referência para o Sistema Único de Saúde (SUS). Fomentando a assistência, pesquisa e ensino, a Genética Médica do Instituto coordena também o Centro de Osteogênese Imperfeita e o Centro de Doenças Raras, sendo o primeiro e único Centro de Referência de Atenção Integral às Pessoas com Doenças Raras do Estado do Rio de Janeiro. Compreende uma equipe de médicos-geneticistas, biomédicos e profissionais de saúde voltada para o diagnóstico, incluindo tratamento e aconselhamento genético.

Além da assistência prestada aos usuários, a área de Atenção à Saúde do Instituto também tem forte atuação no ensino e pesquisa, com estudos, projetos e iniciativas com foco em promover a saúde da mulher, criança e adolescente e fortalecer o SUS.

Alguns reconhecimentos: